Sexta-feira às 19 de Abril de 2024 às 12:21:22
EM CAMPO LARGO  | 21º
Política

CPI da Câmara Municipal que investigou ações da Secretaria de Viação e Obras tem resultado divulgado

CPI da Câmara Municipal que investigou ações da Secretaria de Viação e Obras tem resultado divulgado

Foi lida na sessão ordinária desta segunda-feira (26) o resultado da Comissão Parlamentar de Inquérito, que investigou e apurou uma denúncia envolvendo a Secretaria de Viação e Obras, sobre um depósito de material proveniente de alargamento de via em terreno particular.

Conforme o resultado, disponível no site da Câmara Municipal, ficou aprovado integralmente o Relatório Final da Comissão Parlamentar de Inquérito, instituída pela Resolução nº 02/2023, com algumas determinações.

Entre elas, o documento traz o pedido para que “seja aberto Processo Administrativo para alteração da legislação municipal para que passe a exigir formação acadêmica ou emissão de certidão de notório conhecimento para assunção nos cargos comissionados de Diretoria”.

Ainda, pede para que “seja aberto Processo Administrativo para implantação de um fluxograma que contemple o registro formal de todas as ações e obras executadas pela Secretaria Municipal de Viação e Obras”, e também que “seja remetida cópia integral do presente feito ao Ministério Público Estadual à Promotoria de Justiça competente, deste Foro Regional de Campo Largo, para adoção dos procedimentos que entender necessários”.

A Folha entrou em contato com a Prefeitura de Campo Largo que respondeu “...”.

À época do início das investigações, o Executivo já havia se manifestado dizendo que foi autorizado por escrito pelo proprietário o despejo de material no imóvel em questão.

Fizeram parte desta investigação o vereador Sargento Leandro Chrestani (Solidariedade) como presidente, André Gabardo (Podemos) como relator e como membros Dr. João Freita (União Brasil), Márcio Beraldo (União Brasil) e Germano Silva (PSDB).

Outras CPIs em andamento

Esta CPI está encerrada, mas mais duas estão em andamento na Câmara. A primeira é referente a “obras inacabadas” em vários pontos de Campo Largo, que é composta pelos vereadores André Gabardo (Podemos), que preside a CPI, Alexandre Guimarães (PSD) como relator, e Pedro Barausse (União Brasil), João Freita (União Brasil) e Sargento Leandro Chrestani (Solidariedade) como membros. Esta, segundo informações da Câmara Municipal, está em fase de conclusão do relatório final, e deve ser votado já em agosto após o recesso.

A outra CPI investiga supostas irregularidades de 2016 em empreendimentos na cidade, que é composta pelo presidente o vereador Márcio Beraldo (União Brasil), relator o Sargento Leandro Chrestani (Solidariedade) e membros Germano da Silva (PSDB), Dr. João Freita (União Brasil) e Genésio da Vital (PSC), e está em fase de análise de documentação.