Sábado | 17 de Abril de 2021 00:15
EM CAMPO LARGO 16º | 20º  
Geral

Miss Campo Largo está recuperando dia a dia o movimento das pernas

As conquistas da miss Campo Largo Tatiane Boruk (27) são visíveis e alegram a todos que acompanham sua história.

As conquistas da miss Campo Largo Tatiane Boruk (27) são visíveis e alegram a todos que acompanham sua história. No dia 25 de janeiro de 2021, a Folha de Campo Largo noticiava que a miss havia levado um tiro nas costas durante um assalto em Curitiba, quando retornava para Campo Largo. Tatiane precisou ficar internada no Hospital Cajuru, com risco de perder o movimento das pernas, por conta da bala que ficou alojada em seu corpo e não pode ser retirada por meio de cirurgia, já que é considerada muito arriscada.

Tatiane recebeu alta no dia 11 de fevereiro e desde então se recupera em casa. “Ainda sinto muitas dores, mas sentir dores é muito melhor do que não sentir as minhas pernas. Quando tudo aconteceu eu não consegui sentir minhas pernas e fiquei com medo, entrei em choque ao saber que poderia ficar sem andar, pois gosto muito de me movimentar. Hoje preciso tomar muitos remédios, alguns são bem caros e não estão disponíveis na Unidade de Saúde, mas sei que é para minha melhora”, contou Tatiane para a Folha de Campo Largo.

Tatiane é atendida por uma fisioterapeuta três vezes na semana e ainda realiza exercícios em casa para recuperar os movimentos das pernas. “Já recuperei os movimentos de quase toda a perna. Meus pés ainda formigam bastante e ainda preciso recuperar bem o quadril, mas o meu joelho e a perna já estão fortes. Consigo caminhar até o banheiro sozinha há uma semana, que era algo que eu precisava de ajuda antes. É demais, uma conquista a cada dia, me sinto muito feliz”, comenta.

Ela é bastante disciplinada e realiza as atividades sempre que possível, por isso tem alcançado bons resultados dia após dia. Além da fisioterapeuta, ela também é acompanhada pela médica da Unidade de Saúde e por uma psicóloga, que a ajuda na superação do evento traumático.

“Quando eu voltar a caminhar quero andar mais, viajar mais e conhecer mais lugares. Esse já era o meu objetivo de vida antes, agora intensificou ainda mais. Quero voltar a andar, mas um passo de cada vez. Agradeço às pessoas que me enviam mensagens de apoio e torcem por mim, esse carinho tem sido muito importante”, finaliza.