Domingo às 03 de Julho de 2022 às 09:50:03
EM CAMPO LARGO 12º | 26º
Geral

Jovem que sofreu acidente em frente ao Terminal recebe surpresa de aniversário

A jovem Ohrana D'arc Nunes Rosa, que acabou sendo atropelada na última quinta-feira (28) em frente ao Terminal Urbano de Campo Largo, comemorou seus 21 anos nesta segunda-feira (02).

Jovem que sofreu acidente em frente ao Terminal recebe surpresa de aniversário

A jovem Ohrana D'arc Nunes Rosa, que acabou sendo atropelada na última quinta-feira (28) em frente ao Terminal Urbano de Campo Largo, comemorou seus 21 anos nesta segunda-feira (02). Alguns leitores se preocuparam com Ohrana e chegaram a perguntar o estado de saúde da moça, que contou à Folha que estava bem.

“Naquele dia eu estava bem ansiosa, pois estava indo para uma entrevista de emprego. Eu sou nova na cidade, morava em Brasília, no Distrito Federal, e vim para Campo Largo para ajudar a cuidar dos meus avós. Aqui o trânsito é bem diferente. Eu lembro que foi tudo muito rápido, eu olhei para atravessar e não estava vindo nenhum veículo, então atravessei. O motorista também não me viu, então acabou acontecendo o acidente. Lembro que pedi desculpas para ele e ele também se desculpou comigo por não ter me visto e ficou ali para ajudar.”

Ohrana comenta que naquele dia as pessoas que passavam por ali foram muito solícitas. “Eu sofro de ansiedade e naquela tarde eu tive muitas crises logo após o acidente. Tiveram pessoas que começaram a conversar comigo e me acalmaram bastante e foi muito importante para mim. Eu me machuquei um pouco, meu joelho ainda dói e não consigo dobrar, mas me sinto bem melhor. Precisei ficar internada apenas um dia, para observação”, relembra.

Sobre o emprego, Ohrana comenta que entrou em contato com a empresa e contou sobre a situação e eles pediram para que ela se recuperasse e voltasse para fazer a entrevista.
“Quero agradecer a todos pela preocupação e o cuidado. Obrigada principalmente às pessoas que me ajudaram naquele dia. Estou bem, não tive nada muito sério, nenhuma fratura, estou me recuperando bem rápido. Obrigada a todos”, declara.

A surpresa
No domingo à noite, após ter tomado banho, Ohrana ouviu uma música dos anos 80, que ela gosta, e estranhou um pouco, achou que algum vizinho estava dando uma festa. Porém, ao verificar viu um homem com carro de som, que começou a falar palavras em homenagem a ela. “Foi uma grande surpresa, principalmente quando vi minha mãe descendo do carro. Ela veio de Brasília para me ver e foi muito bom ter ela pertinho. Ela já foi embora, mas o carinho de mãe é como um remédio para a gente”, comenta.

A mãe de Ohrana estuda o curso de Técnica em Enfermagem em Brasília e a filha comenta que ela ficou muito preocupada, quis vir para Campo Largo assim que soube do acidente, mas se acalmou e acabou vindo no final de semana.