VERSÃO IMPRESSA
anteriores
EM CAMPO LARGO 15º | 25º

Quarta-feira | 21 de Outubro de 2020 13:42
Quarta-feira | 21 de Outubro de 2020 13:42
VERSÃO IMPRESSA
EM CAMPO LARGO 15º | 25º

ALIMENTOS QUE PROVOCAM FLATULÊNCIA 24/09/2015


Por: Ana Lúcia

24/09/2015

Flatulência é a liberação voluntária ou não de gases intestinais contidos no final da região do intestino. Gases intestinais podem causar grandes desconfortos devido à distensão abdominal causada e devido ao possível constrangimento social. A maioria dos alimentos que contém carboidratos causa gases. Dentre os açúcares que podem causar gases podemos citar:

•Rafinose – Feijões e outras leguminosas. A rafinose é um oligossacarídeo (tipo de carboidrato) que não é bem digerido favorecendo assim a fermentação. (Lembrando que o feijão é uma importante leguminosa rica em aminoácidos)
•Alimentos Crucíferos – brócolis, repolho, couve e couve-flor contêm enxofre que age com as bactérias intestinais.
•Lactose - Açúcar natural do leite e derivados, pois algumas pessoas adultas não produzem ou produzem em pequena quantidade a lactase, enzima que digere a lactose.
•Frutose - Naturalmente presente nas frutas. Também pode ser usada como adoçante.
•Sorbitol - Encontrado naturalmente em frutas e também utilizado como adoçante.
•Amido - Batatas, milho, massas e trigo. Seus resíduos não são absorvidos e vão para o intestino grosso onde são fermentados pelas bactérias.
•Fibras – principalmente as solúveis, feijões, ervilhas, aveia e na maioria das frutas.
•Carne vermelha – digestão muito demorada (48 a 72 horas) levando a uma maior ação das bactérias no intestino grosso. Além disso, muitas proteínas são compostas por aminoácidos com enxofre.
A maior parte dos gases é produzida no intestino por carboidratos que não são quebrados na passagem pelo estômago. Como o intestino não produz as enzimas necessárias para digeri-los, eles são fermentados por bactérias que normalmente ali residem. Esse processo é responsável pela maior produção e liberação de gases.

É interessante saber que apesar de existirem esses alimentos considerados flatulentos esse fato não ocorre em todas as pessoas igualmente, isso se deve muitas vezes ao desequilíbrio entre tipos diferentes de bactérias benéficas e também patogênicas presentes no intestino, a disbiose.

Na disbiose, o intestino não consegue digerir e absorver bem os alimentos. Os alimentos não digeridos no intestino delgado passam para o intestino grosso, onde bactérias normais de nosso corpo produzem gases que quando acumulados são eliminados na porção final do intestino.

Por isso a maneira mais simples de evitar a flatulência é pela mudança na alimentação favorecendo uma flora intestinal equilibrada.
 

1478 visitas






Sua Opinião





Últimas Notícias