VERSÃO IMPRESSA
anteriores
EM CAMPO LARGO 15º | 25º

Quarta-feira | 21 de Outubro de 2020 15:51
Quarta-feira | 21 de Outubro de 2020 15:51
VERSÃO IMPRESSA
EM CAMPO LARGO 15º | 25º

Nunca se leu tanto jornal

Essa frase dita pelo publicitário Nizan Guanaes em uma entrevista para o jornal O Globo resume perfeitamente nossa realidade

Por: Redação
Essa frase dita pelo publicitário Nizan Guanaes em uma entrevista para o jornal O Globo resume perfeitamente nossa realidade. Há quem diga que o jornal vai acabar. Jamais! O jornal se reinventa e nunca teve tanta força como hoje. Isso, porque como ele bem explicou, antigamente se lia jornal todo dia, hoje se lê jornal o tempo todo. Não só no impresso, mas no celular, no tablet, computador e até em relógios. E a qualquer momento, enquanto espera uma reunião, no carro, no ônibus, em um restaurante. Somos livres e sedentos de informação.
Somos apaixonados pelo que fazemos... e como somos! Vivemos notícia, informação. Nós, da Folha, somos enraizados no jornal impresso, foi nossa origem, 30 anos atrás. Nossa história não é de hoje e nos dá uma base muito importante para fazer Jornalismo de forma séria. Nosso impresso dá credibilidade para nossa marca, para o que informamos. Somos respeitados por esse trabalho que prestamos.
Esse hábito de ler jornal nos últimos anos está em uma fase de transição. E toda mudança exige adaptações, envolve dúvidas e também nos desperta novamente para querer fazer diferente, atender a expectativa dos nossos fiéis leitores. O hábito de se ler jornal está se tornando cada vez mais forte, desde aquele senhor que espera nosso jornal chegar na banca, como os mais jovens que acordam e já acessam o site ou Facebook do jornal.
Como mencionado por Guanaes, o jornal está enfrentando muitos desafios, mas através de problemas que se criam soluções, assim como a distância motivou a invenção da roda. Desafio até mesmo por ter que conflitar com as fakes news disparadas via WhatsApp, mas o jornal é sempre a fonte segura do leitor. Temos uma responsabilidade enorme.
Nos adaptando a essa nova realidade, temos um jornal impresso mais objetivo semanalmente, com notícias factuais e também conteúdo relevante para os campo-larguenses, além de colunas sociais, variedades, classificados e artigos. Agregamos ao nosso jornal impresso nossos jornais especiais segmentados e de datas comemorativas. Neste ano já realizamos o especial de 30 anos do jornal, o de Saúde, o de Dia das Mães e agora estamos elaborando um novo material, focado em reforma, construção e decoração. Tudo isso para gerar mais conteúdo ao nosso leitor.
Todo o material do impresso é divulgado em nosso site, que diariamente recebe o acesso de milhares de pessoas, não só de Campo Largo e até mesmo de fora do país. Nossa página no Facebook tem atualmente mais de 65 mil seguidores. Produzimos localmente, mas somos vistos a nível mundial. Ganha o leitor, o anunciante... fortalece o jornal. Estamos sempre em constante evolução, pois queremos oferecer o melhor a vocês. Aos poucos, vamos mergulhar ainda mais nessa era digital, mas sem esquecer nossas raízes. Vamos juntos seguir nessa caminhada! E por onde vocês forem, a Folha quer ser sua primeira fonte de informação de notícias de Campo Largo.
8209 visitas






Sua Opinião