VERSÃO IMPRESSA
anteriores
EM CAMPO LARGO 15º | 25º

Quinta-feira | 22 de Outubro de 2020 09:30
Quinta-feira | 22 de Outubro de 2020 09:30
VERSÃO IMPRESSA
EM CAMPO LARGO 15º | 25º

Sem desfile cívico em 2020, alunos homenageiam a pátria com Arte

Por conta do Coronavírus, em 2020 não acontecerá o desfile cívico em comemoração à Independência do Brasil, realizado tradicionalmente no dia 07 de setembro na Avenida Centenário, com participação de autoridades, segurança pública, escolas e empresas

Por: Caroline Paulart

Por conta do Coronavírus, em 2020 não acontecerá o desfile cívico em comemoração à Independência do Brasil, realizado tradicionalmente no dia 07 de setembro na Avenida Centenário, com participação de autoridades, segurança pública, escolas e empresas. Porém, visto a importância da data para os brasileiros, as escolas e CMEIs do município trabalharam o tema usando a arte para aprender história.

“Os professores de arte se empenharam em desenvolver as atividades focadas nesse tema. A proposta era pra ser simples, mas os resultados foram maravilhosos. As crianças brincaram, pintaram, colaram bandeiras, pintaram o rosto, enfim, fizeram muita arte. Os pais fotografaram as atividades das crianças e mandaram às professoras. As fotos, depois, numa composição harmônica, fizeram parte de um vídeo, que agora está circulando nas redes sociais”, conta Rosilda Puszczynski Ferreira, professora e coordenadora do Ensino de Arte da Secretaria Municipal de Campo Largo.

A professora destacou que ao aprender sobre o tema e valorizar a pátria, a criança também aprende os princípios de respeito, ética, direitos e deveres enquanto cidadãos brasileiros, a reconhecer sua identidade cultural e cidadania e respeita a diversidade cultural, valorizando e conhecendo o patrimônio cultural material e imaterial e as culturas do Brasil. “Tudo isso elas aprenderam tendo a oportunidade de expressão pela linguagem artística. Tanto pelas artes visuais, pelos desenhos , pinturas, composições, como se expressando por performances - com o rosto pintado, por exemplo, ou encenando de forma teatral e brincando de faz de conta”, ressalta.

O trabalho pode ser visto nas redes sociais das escolas e CMEIs do município e também de pais de alunos. “Dentre as frases das crianças, uma marcou bastante e se encaixa perfeitamente com o momento que vivemos: ‘Abençoados sejam todos os que em tempos de pandemia propagam a esperança!’”, finaliza.

 

461 visitas






Sua Opinião