VERSÃO IMPRESSA
anteriores
EM CAMPO LARGO 15º | 25º

Sexta-feira | 25 de Setembro de 2020 18:46
Sexta-feira | 25 de Setembro de 2020 18:46
VERSÃO IMPRESSA
EM CAMPO LARGO 15º | 25º

Sete décadas de dedicação ao esporte

Na semana passada o cronista esportivo Lauro Perussolo recebeu uma merecida homenagem da diretoria da Porcelanas Germer.

Por: Celio Vigilato

Na semana passada o cronista esportivo Lauro Perussolo recebeu uma merecida homenagem da diretoria da Porcelanas Germer. Aos 84 anos, Lauro tem mais sete décadas de grandes conquistas como atleta e dedicação ao esporte da nossa região como repórter de rádio e jornal.

Atleta
Em sua longa trajetória de vida esportiva, que iniciou em 1950, como jogador na categoria Juvenil, Lauro Perussolo coleciona muitos títulos como atleta do Fanático Futebol Clube, sendo a primeira e importante conquista em 1957 quando foi Campeão Campo-larguense atuando como volante. Em 1968, o Tricolor da Baixada sagrou-se campeão da 5ª Taça Paraná pela primeira vez em sua história e o filho da Rondinha estava entre os titulares, na campanha invicta. Em 1962 jogando pelo time da Steatita, outra importante conquista, campeão da Liga Campolarguense.

Cronista
Depois de muitos anos como atleta, a paixão pelo esporte esteve sempre com Lauro, que passou a propagar o futebol, desta feita como cronista esportivo. O Rondinaro como ele mesmo, com muito orgulho, gosta de se intitular, passou a se dedicar a escrever para o jornal. Fez parte da primeira Folha de Campo Largo e iniciou os trabalhos com a atual Folha em 1989, onde criou a Coluna Recordar é Viver, tendo sua primeira publicação em 15 de maio daquele ano.

Homenagem
Lauro Perussolo foi homenageado pelo diretor geral da Porcelanas Germer, Antônio Girard, com um quadro que retrata a gratidão da instituição, por sua dedicação e serviços prestados nos eventos da empresa. Aproveitamos para ressaltar o grande empenho que esse profissional, com sua competência e dedicação, nesses mais de 31 anos da Folha de Campo Largo. Durante todos esses anos, além de escrever para a sua coluna esportiva, Lauro também guarda com muito carinho em casa todos os recortes e fotografias, mantendo um verdadeiro museu da história esportiva da cidade.

Rádio
Lauro, além da escrita, também por todos esses anos tem feito um brilhante trabalho na radiodifusão, onde também é um dos mais antigos e experiente da latinha. São mais de três décadas à beira dos campos e praças esportivas, sempre com sua máquina fotográfica, caneta e papel nas mãos e seu famoso banquinho. Sempre atento aos acontecimentos, procurando sempre incentivar e divulgar as competições, não importando onde ou de quem seja.

2953 visitas






Sua Opinião